Procurar
Close this search box.
Procurar
Os mais lidos

H&M e LEE apostam na proteção do planeta e criam coleção sustentável

hm-lee-sustentabilidade-roupas-essencia-ambiente

Com o objetivo de diminuir o impacto da água, do dióxido de carbono (CO2) e da energia gastas em cada peça de roupa de ganga, a H&M e a LEE uniram-se para criar uma coleção de ganga verdadeiramente sustentável. A novidade passa pela execução de todas as fases de criação de modo sustentável, isto é, desde o design até à sua produção.

Desta forma, conseguiram criar uma coleção com uma panóplia de artigos intemporais de interação urbana, com detalhes em amarelo néon, produzidos a partir de materiais mais sustentáveis.  A primeira novidade são as calças feitas com 100% algodão reciclado, dos quais 80% vêm de desperdício pós-industrial e 20% pós-consumidor.

De acordo com a HM, nesta criação são selecionados cuidadosamente todos os detalhes no processo de produção, salientando “o nosso objetivo é sermos mais transparentes: mostrar-lhe o que fizemos, como o fizemos e porque é importante. É por isso que incluímos dados da Avaliação do Ciclo de Vida em cada artigo em ganga para que possa visualizar facilmente o impacto ambiental destes artigos de que gosta.”

ROUPAS DESENVOLVIDAS À BASE DE RESÍDUOS

Rumo à sustentabilidade ambiental do planeta, nesta coleção, entre outros artigos, podem, ainda, ser encontrados blusões, produzidos com 40% de algodão orgânico, 20% de resíduos pós-consumo de peças de roupa antigas, 20% de resíduos pós-industriais reciclados e 20% de cânhamo e t-shirts produzidas com 50% de algodão reciclado. Os fios das costuras são de poliéster reciclado a partir de resíduos de plástico e o estampado desenvolvido com tintas à base de água. Mas nem as etiquetas ficam de parte. A pele das mesmas foi substituída por cortiça e papel jacron.

Cada detalhe desta coleção é desenvolvido de modo sustentável, para que seja possível um futuro mais verde, equilibrado e ecológico. Por isso, os debruados de metal não possuem prata e não são tóxicos.

Giorgina Waltier, responsável pela Estratégia de Transparência da H&M, refere que “a transparência é uma parte crucial da jornada da H&M em direção a um futuro mais sustentável. Se formos transparentes acerca dos nossos produtos e da nossa empresa, significa que estamos preparados para ser responsabilizados pelo nosso trabalho e para continuarmos a melhorar.

Um exemplo de uma ação  que melhora progressivamente e continuadamente o impacto ambiental do planeta. Se todos adotarmos pequenas medidas conseguimos mudar os padrões de comportamento de modo a mitigar os principais problemas ambientais. Com a ajuda da comunicação, da sensibilização e da educação ambiental é possível! Só temos de AGIR em PROL do AMBIENTE.