Procurar
Close this search box.
Procurar
Os mais lidos

Smurfit Kappa aposta em energia verde nas suas fábricas

energia-verde-smurfit-kappa-essencia-ambiente

A Smurfit Kappa, um dos maiores fabricantes integrados de embalagens à base de papel do mundo, com operações na Europa e na América, está a apostar na instalação de painéis solares em todas as suas fábricas de papel e cartão de Espanha, Portugal e Marrocos. O objetivo? Produzir eletricidade de forma individual para consumo próprio. Esta decisão ambientalmente responsável irá permitir à empresa ser mais eficiente e respeitadora do ambiente, dando mais um passo no seu objetivo de atingir a neutralidade climática, em 2050.

Deste projeto, já estão operacionais as placas solares das suas fábricas de cartão na Andaluzia, onde foi instalada uma potência nominal total de 4 MWp, o que representa deixar de emitir cerca de 2 400 toneladas de dióxido de carbono para o ambiente por ano, o equivalente às emissões anuais de 300 habitações ou mais de 500 veículos de passageiros.

Além disso, a Smurfit Kappa também já está a instalar nas restantes fábricas de cartão canelado e papel da empresa na região. É o caso da fábrica de papel de Sangüesa, onde vai investir 6 milhões de euros na instalação de 12 000 painéis solares em terrenos adjacentes à fábrica.

PROJETO DA SMURFIT KAPPA É MAIS UM PASSO EM PROL DO PLANETA

Estes painéis solares reduzirão as emissões de dióxido de carbono em mais de 3 200 toneladas anuais e gerarão mais de 12 GWh de energia por ano, o que reduzirá em 7% o atual consumo e dependência elétrica de fontes externas. Esta central fotovoltaica associa-se à cogeração de biomassa, isto é, energia verde já existente de 60GWh/ano.

Rafael Sarrionandia, General Manager da Smurfit Kappa Nervión e CEO da Kraft Specialties Spain, assegura que “estamos muito orgulhosos por ter podido realizar este importante investimento em painéis solares na nossa fábrica de papel de Sangüesa, o que nos permitirá gerar energia sustentável, reduzir o nosso consumo global de energia proveniente de fontes externas e diminuir as nossas emissões de CO2.” Salientando que “devido à envergadura deste projeto, a instalação dos painéis solares ficará concluída no final deste verão, pelo que estamos desejosos de os ver já em marcha para reduzir a nossa pegada de carbono e sermos ainda mais sustentáveis”.

Ignacio Sevillano, CEO da Smurfit Kappa em Espanha, Portugal e Marrocos, acrescenta que “na Smurfit Kappa, investimos há anos em energias mais limpas e renováveis, como a fotovoltaica, para garantir o autoconsumo, o que nos ajuda a diminuir as nossas emissões de CO2 para atingir o nosso objetivo de emissões líquidas zero nos próximos anos.” Frisando que “um objetivo que faz parte do nosso programa Better Planet 2050, em que se mede o nosso compromisso com a sustentabilidade e a nossa intenção de reduzir o impacto no ambiente. Está nas nossas mãos mudar as coisas para poder legar um planeta melhor às gerações vindouras. E este é um grande passo para conseguir”.

Além disso, estas placas dotarão as instalações de uma maior proteção e isolamento, melhorando as condições climáticas do interior e reduzindo o consumo energético para aclimatá-lo. Projetos com vista à sustentabilidade integral do planeta. São precisas que mais entidades vejam estes projetos sustentáveis como uma oportunidade de replicação, de forma a conseguirmos que as próximas gerações tenham um futuro mais verde.