Procurar
Close this search box.
Procurar
Os mais lidos

Setor agrícola mostra resiliência ao longo da pandemia da COVID-19

agricultura | sustentabilidade | essência ambiente

A Comissão Europeia divulgou o último relatório das perspetivas futuras para os mercados agroalimentares que conclui que o setor agrícola,  da União Europeia, demonstrou resiliência ao longo da pandemia da Covid-19. Uma panorâmica geral e setorial das tendências mais recentes, é o que revela o relatório, demonstrando, ainda, as perspetivas a curto prazo para os mercados agrícolas da União Europeia.

O setor teve um desempenho relativamente bom fruto do aumento das vendas a retalho e do consumo interno. O mesmo revelou uma procura global dinâmica com a reabertura dos serviços de restauração.

De acordo com a Comissão Europeia, a evolução do comércio reduzirá as incertezas em torno das relações comerciais da União Europeia, o que beneficia os setores agrícolas.

CONSUMO GLOBAL CRESCE

O relatório refere que o consumo mundial deve aumentar, significativamente, impulsionado pela procura por ração animal. Assim, a produção de cereais da União Europeia pode chegar a 295,2 milhões de toneladas, em 2021, um aumento de 5,3% face ao ano passado.

No que diz respeito ao azeite, a União Europeia considera que este produto possa chegar perto de 2,1 milhões de toneladas, um aumento de 10% em relação a 2019/2020. Um valor que pode permitir um aumento de exportações estáveis e preços recuperados.

No setor vinícola, o relatório revela, ainda, que a produção de vinho deve permanecer estável em cerca de 158 milhões de hl. O consumo doméstico pode aumentar cerca de 2%.

Este relatório é mais uma chamada de atenção para que possamos tomar medidas concretas no que toca ao setor agrícola. É preciso mais! Sensibilizar para a mudança de mentalidades e padrões de comportamento é primordial para a estabilidade da agricultura. O esforço deve ser coletivo!