Procurar
Close this search box.
Procurar
Os mais lidos

Projeto “Reservas da Biosfera” visa a valorização do território

reserva-biosfera-eea-grants-essencia-ambiente

Reforçar o conhecimento, a visibilidade e a valorização das 12 Reservas da Biosfera, da UNESCO, em Portugal, é o objetivo do projeto “Reservas da Biosfera: Territórios Sustentáveis, Comunidades Resilientes”.

A iniciativa visa a valorização dos territórios em cumplicidade com as comunidades, compreendendo os ativos patrimoniais e serviços de ecossistema e apostando no reforço das competências e no modelo de governança. Os Planos de Desenvolvimento Sustentável (PDS), seguindo metodologias participativas, serão o quadro programático, visando o desenvolvimento territorial diferenciado, a resiliência e sustentabilidade das Reservas da Biosfera (RB).

APRESENTAÇÃO DO PROJETO

Idanha-a-Nova foi o palco da apresentação do projeto “Reservas da Biosfera: Territórios Sustentáveis, Comunidades Resilientes”, no Auditório da Escola Superior de Gestão de Idanha-a-Nova. A sessão de apresentação contou com a presença do Coordenador Geral do Projeto e investigador da Cátedra UNESCO em Biodiversidade e Conservação para o Desenvolvimento Sustentável da Universidade de Coimbra, António Abreu, da Professora Doutora Helena Freitas, Coordenadora do Centro de Ecologia Funcional da Universidade de Coimbra e Coordenadora Científica do Projeto, e da Professora Doutora Fernanda Rollo, da FCSH-NOVA e investigadora do HTC – História, Território e Comunidades, entre outros.

As Reservas da Biosfera são territórios que se distinguem pela singularidade do património natural e cultural que integram, visando a sua salvaguarda em harmonia com o bem-estar das comunidades residentes. Esta distinção representa um compromisso com o desenvolvimento sustentável, refletindo a contribuição da ciência e a promoção da educação e da cultura.

Depois da apresentação, houve uma visita à Reserva da Biosfera Transfronteiriça Tejo/Tajo Internacional, onde foi possível conhecer os sítios mais emblemáticos deste território e o que o distingue enquanto Reserva da Biosfera.

Um excelente projeto onde os Planos de Desenvolvimento Sustentável serão instrumentos orientadores em cada reserva e entre as reservas da biosfera nacionais e as redes temáticas e geográficas internacionais. Um sistema de indicadores e de monitorização robusto que garantirá uma gestão flexível e adequada à evolução de fatores de risco e incertezas.