Procurar
Close this search box.
Procurar
Os mais lidos

Já existe o relógio do clima em Portugal

relogio-clima-portugal-essencia-ambiente

Tendo como missão consciencializar toda a população para que se possa evitar desastres climáticos foi inaugurado o primeiro relógio do clima em Portugal. Este encontra-se no edifício da Associação Académica de Coimbra, nesta que é uma iniciativa mundial organizada por cientistas e ativistas com o objetivo de alertar para a emergência climática que vivemos.

EM QUE CONSISTE O RELÓGIO DO CLIMA


O Relógio do Clima consiste numa contagem regressiva, baseada nos dados do IPCC – Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas – a maior autoridade mundial no tema, dizendo quanto tempo tem a humanidade até que a temperatura média global suba aos 1.5 ºC, em relação aos valores pré-industriais.

Este aumento é visto pela investigação como um ponto de não retorno, que deve ser evitado de forma a não piorar as condições climáticas para as gerações futuras. Segundo estas previsões, e se não reduzirmos as emissões correntes de gases com efeito estufa, já só faltam cerca de 7 anos até ao aumento de 1.5 ºC ser atingido.
O primeiro relógio mundial foi instalado em Nova Iorque, em setembro de 2020, tendo sido também já instalado em Roma, Seul e Glasgow.

IMPACTO DO RELÓGIO EM PORTUGAL

Em Portugal, este projeto é liderado pela Molecular JE e pela jeKnowledge, duas juniores empresas da Universidade de Coimbra, em parceria com a Associação Académica de Coimbra, que agora alberga nas suas instalações o relógio.
O relógio do clima é, assim, um grito de alerta desta geração para que se possa agir com convicção para reverter este desafio global que são as alterações climáticas.

Esta iniciativa é apenas um exemplo de que com pequenas ações conseguimos mudar mentalidades e padrões de comportamentos para minimizar os impactos dos problemas ambientais no Planeta. Um futuro SUSTENTÁVEL depende de TODOS.