Procurar
Close this search box.
Procurar
Os mais lidos

Regresso às aulas: Economia circular ajuda as famílias a pouparem

regresso-aulas-cash-converters-essencia-ambiente

Setembro é conhecido como o mês dos recomeços e dos regressos. Nesse sentido, a Cash Converters lança a ação “Na volta precisas do essencial. Compra e Poupa”, que pretende não só apresentar a segunda mão como solução à poupança das famílias e pessoas que regressam ao trabalho, como também mostrar às mesmas que a simples decisão de comprar produtos em segunda mão pode poupar recursos ambientais e monetários e até mesmo salvar o planeta.

Dados os resultados dos anos anteriores em ações semelhantes, este ano, a Cash Converters planeia continuar a impactar positivamente os portugueses e o ambiente. Em 2022, com a venda de mais de 3 mil dispositivos na categoria tecnológica, a empresa conseguiu poupar mais de 370.000 kg de dióxido de carbono. Este valor é equivalente à redução da circulação de mais de 65 mil carros durante um dia, a uma poupança de mais de 13.000.000 de litros de água ou ainda o equivalente a mais de 19.000.000 de árvores a absorver dióxido de carbono durante um dia.

Sérgio Pintado, CMO e Porta-Voz da Cash Converters, refere que “temos consciência de que os objetivos que fixamos são ambiciosos, mas também sabemos que o consumidor reconhece cada vez mais o potencial da segunda mão.” Salientando que a ação “«Na volta precisas do essencial. Compra e Poupa» está alinhada com o nosso objetivo de alargar a vida útil dos produtos e apoiar a poupança das famílias, sem esquecer o ambiente. Ora, sendo assim, convidamos todos os que vão regressar à escola já no próximo mês a dar uma oportunidade à segunda mão e poupar – a carteira e o ambiente.”

Esta e outras ações dinamizadas pela empresa ao longo do ano surgem alinhadas com o #MovimentoConverters, que tem como objetivo promover o consumo mais responsável e inteligente, lançado em Portugal, em 2021.

Excelentes ações que apelam ao consumo inteligente e consciente e promovem, significativamente, a compra em segunda mão como solução sustentável ao consumo desmedido.