Procurar
Close this search box.
Procurar
Os mais lidos

Quer destacar Portugal? Vote no Plátano do Rossio como árvore do ano

árvores-do-ano-essência-do-ambiente

Com mais de 180 anos, 25 metros de altura e um perímetro do tronco de 5,26 metros, o Plátano do Rossio, a árvore mais antiga classificada de interesse público portuguesa, está em votação para o concurso Europeu Tree of the year 2021. Uma final constituída por vencedores nacionais de cada país europeu, estando Portugal representado por esta espécie de Portalegre. Até 28 de fevereiro estão abertas as votações para o concurso.

Repleta de histórias memoráveis e segredos intermináveis, esta árvore marca um lugar de encontros e reencontros, onde nasceram clubes, associações e bandas filarmónicas. Com uma admirável resiliência, esta espécie continua a pasmar curiosos, a ouvir desabafos solidários e a inspirar artistas, um pouco por todo o mundo.

A Environmental Partnership Association, organizadora do evento, anunciou que 14 dos 16 países participantes concluíram com sucesso o concurso nacional. Todos os anos, a votação para a árvore do ano faz com que mais de 200 mil pessoas se envolvam na iniciativa e fiquem mais conscientes para a necessidade de protegermos da natureza. E, ainda, que 14 nações unam esforços para preservar e orgulhar a regionalidade local e as suas respetivas preocupações ambientais.

REGRAS PARA AS VOTAÇÕES DA ÁRVORE DO ANO

O período de votação para a árvore do ano decorre até às 23:59 CET – horário da Europa Central, do dia 28 de fevereiro de 2021. Cada pessoa só pode votar uma vez, mas tem a oportunidade de selecionar dois candidatos para a Árvore Europeia do Ano.

Há já vários anos que o Plátano do Rossio se tem destacado de forma positiva neste concurso. Em 2020, arrecadou o 1º lugar com 2401 votos e, em 2019, o 2º lugar com 2.989 votos. Os vencedores serão anunciados na cerimónia de premiação online, a 17 de março, durante a conferência “Plantando para o Futuro: 3 mil milhões de árvores na Europa“. Quem quiser votar, pode fazê-lo.