Procurar
Close this search box.
Procurar
Os mais lidos

i4efficiency promove a redução do consumo de energia

i4efficiency-consumo-energia-essencia-ambiente

Com o objetivo de potenciar a redução do consumo de energia e a redução anual de emissões de dióxido de carbono nas atividades associadas às operações de logística urbana – distribuição postal, serviços de água, eletricidade e gás – e, ainda, promover o aumento das taxas de reciclagem de resíduos foi criado o projeto “i4efficiency – Identificador inteligente de integração e eficiência logística”. A implementação do mesmo permitirá, também, uma maior flexibilidade e comodidade para as populações ao nível dos serviços prestados.

O projeto, que integra algumas medidas inovadoras, tem lugar em duas áreas integradas na União de Freguesias de Sintra e na União de Freguesias de Massamá Monte Abraão do concelho de Sintra, que funcionarão como laboratórios vivos.

Basílio Horta, Presidente da Câmara Municipal de Sintra, refere que “agir local, pensar global pode ser um clichê, mas para nós, Câmara Municipal de Sintra, encaramos os projetos de sustentabilidade que abraçamos. “Salientando que “em Sintra, unimos esforços e damos início ao projeto piloto em duas das onze freguesias, numa abordagem que se pretende integrada e com um olhar atento sobre as cidades. Começamos assim a trilhar um novo caminho, da tecnologia em prol da sustentabilidade, de pensar do primeiro momento da linha de logística ao tratamento de resíduos finais, de pensar o quotidiano das comunidades em gestos que certamente melhorarão o futuro de quem vive e trabalha em Sintra, em Portugal, no mundo”.

ESTRATÉGIA DO PROJETO ASSENTA EM TRÊS ELEMENTOS NUCLEARES INTEGRADOS

O projeto pretende desenvolver e criar um Identificador Único de Endereço (IUE), ou seja, um código que identifica inequivocamente um endereço físico e ao qual são atribuídas várias categorias e descritores que, por sua vez, permitem o desenvolvimento de ferramentas de incremento da eficácia e eficiência da atividade logística, nomeadamente nos diversos tipos de distribuição ao domicilio, com especial enfoque nas redes postais, nos serviços de assistência técnica a redes de água, eletricidade, gás e telecomunicações, (manutenção e desenvolvimento de novos locais de consumo), bem como na gestão de resíduos sólidos urbanos.

A criação de uma plataforma digital que permite gerir de uma forma otimizada os processos de logística urbana e à qual os munícipes das áreas envolvidas terão acesso é também uma das estratégias principais deste projeto.

O projeto fomenta a implementação de uma combinação de iniciativas complementares ao nível dos laboratórios vivos que vão exponenciar os impactos da plataforma e do IUE, nomeadamente: a criação de dois centros logísticos de apoio às atividades em ambos os laboratórios, o recurso a viaturas elétricas, a instalação de contentores inteligentes e distribuição de caixotes para biorresíduos e sacos biodegradáveis com vista à recolha de resíduos e seu encaminhamento adequado.

O “i4efficiency – Identificador inteligente de integração e eficiência logística” já teve início em setembro de 2021, mas está agora em fase de implementação no terreno, que terminará em final de 2023, sendo objetivo que este projeto sirva de demonstração com vista ao seu alargamento a outros locais.

Os cidadãos residentes nas áreas dos laboratórios vivos estão a ser contactados através de colaboradores credenciados pela Câmara Municipal de Sintra com vista à entrega do referido código IUE, bem como das instruções relativas ao funcionamento de todas as operações envolvidas.

Um projeto da ZERO – Associação Sistema Terrestre Sustentável, em parceria com: Marlocnsult, VT Mar, C4P – Correio de Proximidade, Câmara Municipal de Sintra e Faculdde de Arquitetura – Centro de Investigação em Arquitetura, Urbanismo e Design (CIAUD).